Alan Riding - Cidadão do Mundo
COMO ASSISTIR NA TV?

COMO ASSISTIR NA TV?
Deixe seu voto Vote aqui



Nascido no Brasil e filho de pais britânicos, Alan Riding sempre foi um cidadão do mundo. Estudou Economia e Direito antes de ser jornalista, em 1966, na agência Reuters. Nos anos 1970 e 1980, foi correspondente na América Latina do Financial Times e depois do New York Times. Em 1989, radicou-se em Paris, como correspondente cultural europeu do New York Times. É autor do best-seller "Vizinhos Distantes" e do sucesso nos Estados Unidos e Inglaterra, o livro "Paris, a festa continuou", que conta a história de como o nazismo se relacionou com a vida cultural em Paris no período da segunda guerra mundial, em que diversos intelectuais tinham um posicionamento ambíguo.

Produção: Nilson Rodrigues

Fotografia: Filipe Duque, Gilmar Veloso, João Inácio , Paulino Alvarenga

Roteiro: Nilson Rodrigues , Ronaldo Duque

Empresa(s) produtora(s): Mercado Filmes

Direção de Produção: Lucas Tobias, Nilson Rodrigues

Produção Executiva: Lucas Tobias

Montagem: Marcelo Sousa

Trilha original: Pablo Duque

Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Aplicabilidades Pedagógicas



Etapa/Nível de Ensino: Ensino Médio

Área de Ensino: Ciências Humanas, Linguagens

Componente Curricular/Disciplina: Arte, Sociologia


Relatos de Professores



Utilizou este filme em suas aulas?
Relate sua experiência!

Relatos de Professores (0)

Testes de Conhecimentos


Você é Educador?
Crie o primeiro teste de conhecimentos para este filme!
Criar Teste

26 min
2016
Brasil
DF
AL

Séries: Impressões do Mundo | 26 Episódios de 25 Minutos

Diretor: Ronaldo Duque

Elenco: Alan Riding

Sinopse: Nascido no Brasil e filho de pais britânicos, Alan Riding sempre foi um cidadão do mundo. Estudou Economia e Direito antes de ser jornalista, em 1966, na agência Reuters. Nos anos 1970 e 1980, foi correspondente na América Latina do Financial Times e depois do New York Times. Em 1989, radicou-se em Paris, como correspondente cultural europeu do New York Times. É autor do best-seller "Vizinhos Distantes" e do sucesso nos Estados Unidos e Inglaterra, o livro "Paris, a festa continuou", que conta a história de como o nazismo se relacionou com a vida cultural em Paris no período da segunda guerra mundial, em que diversos intelectuais tinham um posicionamento ambíguo.

Alugue