Em busca de Ulisses


Disponível no:

Roteiro: François Busnel, Gilbert Sinoué

Empresa(s) produtora(s): Arte France

Direção de produção: Catherine Canton

Mixagem: Virtuel Audio

Pós-produção: Highway Tv

Montagem: Erwan Le Gac

Desenho Gráfico: Laurent Soton

Produção de Arte: Caroline Halazy

Dez anos após o saque de Tróia pelo exército grego, Zeus está sozinho no Olimpo. Sua filha Atena é a única que permanece ao seu lado. Ela tenta convencer seu pai a ajudar Odisseu, o último lutador grego que ainda não voltou para casa em Ítaca. Lá, sua esposa Penélope está sob pressão de seus pretendentes, que sonham em assumir o trono de Odisseu. Ajudado pela deusa Atena, seu filho Telêmaco decide ir para Esparta - a casa do rei Menelau. Ao voltar de Tróia há vários anos, ele conta a Telêmaco sobre a morte de seu irmão, o rei dos reis Agamenon. Mas, acima de tudo, ele conta o que aprendeu na volta: Odisseu ainda está vivo. Telêmaco recupera a esperança.
Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Etapa/Nível de Ensino: Ensino Médio

Área de Ensino: Ciências Humanas

Componente Curricular/Disciplina: Filosofia, História


Relatos de Professores (0)
Utilizou este filme em suas aulas? Relate sua experiência!
26 min
2020
França
14 ANOS

Séries: Grandes Mitos: A Odisseia | 10 Episódios de 26 Minutos

Diretor: François Busnel

Sinopse: Dez anos após o saque de Tróia pelo exército grego, Zeus está sozinho no Olimpo. Sua filha Atena é a única que permanece ao seu lado. Ela tenta convencer seu pai a ajudar Odisseu, o último lutador grego que ainda não voltou para casa em Ítaca. Lá, sua esposa Penélope está sob pressão de seus pretendentes, que sonham em assumir o trono de Odisseu. Ajudado pela deusa Atena, seu filho Telêmaco decide ir para Esparta - a casa do rei Menelau. Ao voltar de Tróia há vários anos, ele conta a Telêmaco sobre a morte de seu irmão, o rei dos reis Agamenon. Mas, acima de tudo, ele conta o que aprendeu na volta: Odisseu ainda está vivo. Telêmaco recupera a esperança.

Alugue