O Cinema Segundo Dalí



A ficha técnica deste programa não está disponível.
O outro lado do gênio surrealista. Salvador Dalí é um dos artistas mais reconhecidos e controversos do século XX. O que poucos sabem é que ele também foi um diretor de cinema de vanguarda (colaborando com gigantes como Luis Buñuel, Walt Disney e Alfred Hitchcock), apesar de sua fascinação por filmes raramente ter tido a atenção merecida. Ele foi influenciado pelos Irmãos Marx, Buster Keaton e Stanley Kubrick, e usou a câmera para trazer à vida os "assuntos de sonho" de suas pinturas, fornecendo a base para incursões revolucionárias em televisão, vídeo, fotografia e holografia. Da experiência de uma ida ao cinema, que incorpora os cinco sentidos, até o conto de um infeliz caso de amor entre uma mulher e um carrinho de mão, a visão alucinatória de Dalí nunca falha ao deixar sua marca indelével.

Cultura  Artes  Biografia  

Envie o seu comentário
Faça login ou se cadastre para comentar a obra.
Carregar mais comentários
Envie o seu comentário
Após aprovação, seu comentário será publicado e enviado para o diretor do filme. | Normas para publicação

Relatos de Professores



Utilizou este filme em suas aulas?
Relate sua experiência!

Relatos de Professores (0)

Testes de Conhecimentos


Você é Educador?
Crie o primeiro teste de conhecimentos para este filme!
Criar Teste

49 min
2010
França
A12

Diretor: Christopher JonesMarie-Dominique Montel

Sinopse: O outro lado do gênio surrealista. Salvador Dalí é um dos artistas mais reconhecidos e controversos do século XX. O que poucos sabem é que ele também foi um diretor de cinema de vanguarda (colaborando com gigantes como Luis Buñuel, Walt Disney e Alfred Hitchcock), apesar de sua fascinação por filmes raramente ter tido a atenção merecida. Ele foi influenciado pelos Irmãos Marx, Buster Keaton e Stanley Kubrick, e usou a câmera para trazer à vida os "assuntos de sonho" de suas pinturas, fornecendo a base para incursões revolucionárias em televisão, vídeo, fotografia e holografia. Da experiência de uma ida ao cinema, que incorpora os cinco sentidos, até o conto de um infeliz caso de amor entre uma mulher e um carrinho de mão, a visão alucinatória de Dalí nunca falha ao deixar sua marca indelével.

Alugue